Rua Do Professor Augusto Nobre

O prof. Augusto Pereira Nobre (Porto n. 23/06/1865 - f. 13/09/1946), naturalista ilustre, natural desta cidade, graduou-se na antiga Academia Politécnica do Porto, e logo apaixonado pela História Natural trabalhou no antigo Museu Allen, e mais tarde em Paris, no Laboratório de Altos Estudos e no Museu de História Natural. Regressado ao Porto, em 1890, foi convidado para assistente de Botânica, na Academia Politécnica, e no ano seguinte ajudante do Gabinete de Zoologia, o que lhe permitiu continuar os seus trabalhos e devotar-se à criação do Museu de Zoologia, bem como da Estação de Zoologia Marítima da Foz. Em 1912, licenciou-se em Ciências Histórico-Naturais, concorrendo ao professorado superior, e logo foi nomeado director do Instituto de Zoologia, que organizara, e em seguida professor da Faculdade de Farmácia e Reitor da Universidade do Porto (1919-1925). Dirigiu também, desde a sua fundação, em 1893, a Estação Aquícola do Rio Ave, foi deputado em várias legislaturas, chefe de gabinete e depois ministro da Instrução. No exercício destes cargos conseguiu verbas para melhorar e desenvolver os serviços da Universidade e deve-se a iniciativa sua a criação da Faculdade Técnica. Aposentou-se em 1835, por limite de idade, sendo então dado o seu nome ao Instituto de Zoologia Marítima da Foz do Douro. Pertencia à Academia das Ciências (1893), ao Instituto de Coimbra e a várias outras agremiações científicas nacionais e estrangeiras. Na sua vasta bibliografia salienta-se a publicação da excelente revista 'Anais de Ciências Naturais', e das obras inéditas ou esgotadas de seu irmão, o grande poeta António Nobre. ( Arquivo da Toponímia )