Rua Da Bainharia

A Rua da Banharia ou, melhor, da Bainharia, por ter sido arruamento dos bainheiros, é dos mais antigos da cidade. No testamento do bispo D. Vicente Mendes, em 1296, menciona-se a 'Rua de Ferrariis' ou 'Rua de Fabris', identificada pelo Dr. Magalhães Basto com esta da Bainharia, assim chamada já em documento de 1327. O tombo do Cabido, de 1556, diz-nos que ela ia 'da Cruz do Souto até à Ponte de S. Domingos'. De uma banda as suas casas entestavam no 'muro velho', a cerca primitiva do burgo, e da outra com o rio da Vila, que hoje corre sob a R. de Mouzinho da Silveira. Não sabemos de quando data esta travessa da Bainharia mas deverá ser, porém, muito antiga..».( Toponímia Portuense de Andrea da Cunha e Freitas )