Largo Da Cruz

O lugar da Cruz da Regateira, ou das Regateiras, registado no Dicionário Geográfico do Pde. Luís Cardoso em 1758, tomou o nome de um cruzeiro do Senhor da Cruz da Regateira, junto de uma capela da mesma invocação, que existiu no actual largo da Cruz. Na Cruz das Regateiras passavam as linhas miguelistas durante o cerco de 1833. Depois desta data, em lembrança de uma vigorosa sortida das forças liberais contra as adversárias, recebeu a designação de lugar de 25 de Março, data de aquela acção militar - denominação que por pouco tempo conservou....( Toponímia Portuense de Andrea da Cunha e Freitas )